A importância das revistas Teens


D
urante quase toda minha adolescência eu passei comprando revistas teens como: Capricho, Atrevida, Yes Teen e por aí vai. Gastava cada centavo meu e da minha mãe (obrigado mãe <3) nessas revistas, mas o que eu não percebia era o quanto elas seriam importantes para a construção do meu eu de hoje. O que muita gente (já crescida) não entende é o quanto as revistas teens são importantes e possuem sim um conteúdo bacana. Quem nunca comprou uma dessas e ouviu coisas como: "credo, tu compra isso?" ou "Sério que tu vai gastar teu dinheiro com essa porcaria?" mas não é bem assim.


Mas o que as faz tão especiais?


  • Dicas de comportamento
Sempre estão dando dicas de como se comportar na sala de aula, como agir com os pais, como ser uma boa garota, como chegar naquele garoto que a gente paquera desde o 5º ano... certamente se não fosse por elas eu não teria aprendido tanta coisa, nem teria pego tanta consciência.


  • Educação Sexual
Desde sempre o sexo é sempre sinônimo de dúvidas quando somos adolescentes, independentemente de toda informação que há. Toda e qualquer dúvida que eu pudesse vir a ter sobre sexo, menstruação e todo esse universo, que eu não tinha coragem de perguntar para minha mãe, eu aprendi lendo nas revistas, dúvidas de outras garotas que eram as mesmas que as minhas eram esclarecidas, de como se cuida e se prevenir.

  • Desabafos de outras garotas
Sabe aquele problema que parece que só você passa? Já encontrei muitos relatos de meninas que viviam a mesma coisa que eu e contam como superaram ou até mesmo especialistas contam como podemos superar aquele momento.

  • Aceitação de si própria
A adolescência é a fase da insegurança e nunca achamos que estamos devidamente bem quanto às nossas aparências, e comigo nunca foi diferente. Sempre fui abaixo do meu peso e me sentia mal com isso já que minhas amigas já tinham corpão e eu não. Uma das maneiras que achei para superar foi lendo essas revistas que sempre ensinam o quanto devemos nos amar como somos e aí consegui me aceitar e tirar sempre o melhor de mim.


Viram o quanto elas tornam-se importantes? Não vou mentir e dizer que não compro mais elas porque seria hipocrisia. Compro e leio sim, só que agora com outra mente e pensando: "poxa, essa matéria vai ajudar muita garota", "caramba como essa matéria ficou boa" e por aí vai. E graças à essas revistas eu criei gosto para escrever, porque eu sempre pensei: "Se um dia eu puder escrever, quero ajudar outras garotas como o pessoal da revista me ajudou".


Acredito sim, que se muitas garotas lessem mais essas revistas, se informassem mais, conhecesse novos artistas e ampliassem seus gostos, talvez muitas não estariam jogadas ao nada, engravidando e jogando a melhor fase de suas vidas no lixo.





com meus divos lindos na Capa *o*

Acabei me empolgando e fiz um book com elas  :p
Revista de adolescente? Sim. De adulto? também. Para quem ainda mantém um pouco da parte da adolescência dentro de si (RBD, Ariana Grande, Dulce Maria, Harry Potter em alguma máteria ou capa? Estou lá LINDA comprando #nãomeimporto) e não esqueçamos quem já fomos um dia e que essa fase de nossas vidas nos transformou no que somos hoje.
Sigam-me ♥SkoobInstagramTwitter

TAG: Cardápio Literário


H
oje o post é pra lá de especial, estou aqui para apresentar a minha 2ª criação de TAG,  para quem está chegando agora, eu criei no inicio de 2013 a TAG "Alfabeto Literário" e muita gente adorou e ela está circulando por aí entre vários blogs e videos no youtube e hoje eu apresento a minha mais nova criação: a TAG literária "Cardápio Literário"

Eu e a fofa da Alexia Oliveira do blog Meninas Quase Invisíveis fizemos uma parceria para criar uma TAG para os nossos blogs e não é que deu certo? Passamos horas conversando, escrevendo, riscando e colocando os neurônios para fritarem até que a TAG saiu. 

A TAG Cardápio Literário surgiu da ideia de fazermos algo que fosse mais amplo, que envolvesse algo do dia a dia e que fosse fácil de associar aos livros e que fosse criativa. A TAG está dividida em 4 partes: Bebidas, Comidas, Doces e uma Extra; e cada parte possui 4 opções (ou seja, é uma TAG longa porém muito divertida que pode ser postada no blog como uma lista, com fotos ou até mesmo vídeo). Foi dificil escolher alguns, foi duro deixar outros de fora mas vamos que vamos! E como a TAG é longa, vou fazer apenas breves comentários tá? Os que tiverem resenha eu deixo linkada, os que não tiverem, aguardem.

Bebidas

Chá: Aquele livro que é leve e calmo, ou que te deu sono
Super leve e fofo. Muito calmo e com uma boa história. Recomendo Super! Em breve resenha
Café: Aquele livro que não te deixou dormir.

Só dormi depois que acabei de ler. Fantástico e em breve vou resenhar toda a série =)
Cachaça: Aquele livro que te deixou de ressaca

Um bom livro mas que depositei expectativas demais e me deixou semanas de ressaca. Resenha aqui
Água: Aquele livro que foi neutro, sem muita emoção.

Um livro super fofinho mas não é aquele te de dá muita emoção. Mas tem uma boa história. Resenha aqui

Comidas

Comida da Mamãe: Aquele livro que não se compara a nenhum outro.

Meu queridinho, meu fofinho meu tudo! *o*  Não fiz resenha dele mas quero fazer da série toda s2
Especialidade do Chef: Aquele livro bom, bonito e caro.

Bonito, bom e caro! Resume bem essa edição ilustrada das Cronicas de Nárnia. O livro mais caro da estante.
Beira de estrada: Aquele livro que não te fez bem.

Não me fez bem porque eu pensei ser uma história adolescente fofa e romântica mas não foi bem assim. Resenha aqui
 Fast-food: Aquele livro que todo mundo gosta mas nem sempre é bom.
Sem comentários. Todo mundo lê mas eu li um pouco e parei logo, pra mim ele não é bom. Foto por: Garota meio Sangue

Doces

Torta: Aquele livro que possui uma capa bonita mas nem sempre um bom conteúdo

Apesar da capa maravilhosa, os contos desse livro não são tão bons quanto pensei. Darei uma nova chance um dia
Trufa: Aquele livro pequeno que te surpreendeu.

Em suas pouquíssimas páginas ele consegue trazer uma mensagem linda. Me surpreendeu totalmente.
Mousse: Aquele livro extremamente doce.

O livro mais doce e gentil que já li. Resenha em breve s2
Bis: Aquele livro com gosto de quero mais

Super meigo e eu amei a história super recomendo, queria mais e mais. Resenha aqui. (Junto com meus 4 dedos de raíz)

Extra

Fruta: Aquele livro que faz bem mas nem todo mundo quer.

Esse é fantástico e fala sobre algumas doenças que desenvolvemos e só por causa dos nossos pensamentos e atitudes.

E é isso pessoal, gostaram da TAG? Quem gostar e quiser responder pode responder mas não esqueça de dar os créditos pela criação hein? Espero que tenham gostado.

Gostaria de indicar algumas amigas blogueiras livreiras para responderem a TAG =)


Beijos e até a próxima =*
Sigam-me ♥SkoobInstagramTwitter

Ser blogueira e algo mais


H
ola pessoas lindas s2 Como estão? Nossa, quanta correria nesses ultimos dias, foi minha mudança de quarto (yeah as fotos a partir de agora serão no meu novo cantinho), acabei adoecendo e sem pique para postar por aqui, inclusive peço mil desculpas a todos (de novo), sem falar que ontem foi a formatura do meu irmão e eu fui a madrinha, então sem condiças de postar né? Mas vamos que vamos porque hoje eu quero falar de um assunto bem delicado.

Todos os dias vejo meninas (principalmente) que criam blogs para torná-lo uma profissão, uma fonte de renda, ser famosa, ryca e phyna e invejada como muitas blogueiras. Talvez algumas dessas meninas visitem meu blog um dia e caia aqui neste post, ou talvez vocês devem conhecer alguém que quer ficar famosa com o blog ou canal no youtube ou qualquer coisa que seja. Já recebi e-mails com gente querendo dicas de como ter um blog de sucesso (sendo que o meu nem é), como ter um bom blog, como ganhar dinheiro com ele e que querem viver dele, que está sem grana e vai criar um blog, Oi? Vou falar abertamente aqui com vocês sobre o que eu realmente penso sobre tudo isso.


Logo quando criei o Valeu a Pena, nem se passava pela minha cabeça que se podia ganhar dinheiro com blog. Criei por gostar de escrever e compartilhar um pouco das coisas que gosto com outras pessoas, trazer coisas boas e legais e também conhecer outras pessoas e seus respectivos diários. E é assim que levo o blog, como um pedaço de mim, não um ganha pão.

Vejo meninas de 12-13-14 anos querendo levar uma vida de blogueira famosa a todo custo (e até gente mais velha entra na dança hein?), gente sendo chata na blogosfera e fora dela também. Gente sem um pingo de visão, sem um pingo de preocupação com o que serão no futuro. E não vejo só anônimas não tá? Vejo algumas blogueiras famosas que não estão nem aí para o que serão futuramente, afinal de contas são blogueiras né?

Não estou dizendo que você não pode ser blogueira, pode sim; o que não acho certo é você abrir mão do seu estudo, do seu crescimento pessoal e profissional somente para ser blogueira. Você pode ser médica e blogueira, designer e blogueira, decoradora e blogueira... Você pode ser muito mais além de blogueira. Pode estudar, viajar, trabalhar e ser blogueira. Uma pessoa com mais conteúdo, conhecimento e cultura, poderá ser uma blogueira fantástica, terá um blog muito mais rico, mais interessante. Que exemplos?


Blog: Não Provoque


 Blog: Pausa para feminices


Blog: Garotas Estúpidas


Blog: Chata de Galocha


Blog: Taciele Alcolea - Canal: barbiepahetaci


O que aconteceria com elas se o blog delas não tivesse bombado? Elas estariam lindamente formadas e com um futuro garantido. O que os blogs delas têm em comum? Blogueiras inteligentes, dedicadas, experientes e antes de tudo: alguém como qualquer outra que cria um blog para compartilhar e ajudar outras pessoas. O blog deu certo? Ótimo para elas e para nós. Que tal além de se espelhar nos blogs delas, na fama, que tal se espelhar também nos estudos, no quanto ralaram para conseguir tudo o que possuem hoje?

Não se deixe levar pelo desejo de "ter sucesso com o blog", de querer ter parceria e seguidores, siga sua vida, estude, forme-se, viaje, inspire pessoas a voarem, a alcançar voos mais altos, a serem e sonharem o que quiserem, seja algo por formação. Blogueiros? Por amor e nada mais.
Sigam-me ♥SkoobInstagramTwitter