Como faço para o meu blog crescer?


Com  o tamanho destaque que blogueiras vêm tomando nos ultimos tempos, cresce em muita blogueira iniciante (ou pessoas que possuem apenas uma vontade de criar um blog) a vontade  de ser famosa, de ter muitas parcerias e ganhar muitos mimos e ir a eventos "de graça". Mas antes de mais nada responda: O que é um blog grande? Por que você quer ter um blog maior?

Quando passamos a enxergar o nosso blog como algo lucrativo, a gente logo pensa nos maiores blogs de sucesso que existem e queremos ser um dia uma dessas blogueiras não é mesmo? 

Uma coisa é certa, a gente não consegue ser uma blogueira de sucesso sendo a chata do "me segue que te sigo" ou "Tenho um canal no youtube se inscreve que me inscrevo no seu". Com esse tipo de atitude você só se torna "o blog que nunca visitarei.", com esse tipo de atitude você pode até conseguir números mas será que números são sinônimos de um blog de sucesso? Separei algumas dicas que aprendi ao longo desses anos na blogosfera (seja como leitora ou como blogueira) e decidi compartilhar alguns deles com vocês.

Dica 01 - Defina seu nicho


É uma das primeiras coisas que você deve pensar (senão a primeira), porque aos definir o seu nicho, várias janelas se abrem como: o nome, escolha de layout, público alvo e periodicidade de postagem. Do seu nicho nasce o mundo de possibilidade e você deve ter tudo bem claro na sua cabeça. Logo que criei o Valeu a Pena eu sabia que queria algo mais pessoal, algo mais "descompromissado", sem grandes regras e que queria compartilhar na maior parte do tempo, minha vida e histórias. Existem os blogs de notícias, moda/beleza, DIY, cultura Pop, publicitários, fotografia... 

Dica 02 - Desenvolva os conteúdos


Quando definimos um nicho de fotografia, sobre o que vamos falar? Maquiagem? Não. Você pode amar maquiagem mas você escolheu o seu nicho como sendo fotografia, então você deve falar sobre o assunto, dando dicas, sugestões, lançamentos, etc. Tenha em mente que todo o conteúdo deve ser estudado e bem estruturado. É preciso sentar e montar um plano concreto, se vai precisar de uma equipe ou não, se vai postar todo dia, quantas vezes...

Dica 03 - Agregue valores ao seu blog


O que o seu blog vai trazer de benefício para o seu leitor? Qual valor seu blog vai ter na vida da pessoa que vai te ler? A Franciele do Morando Sozinha por exemplo, ajuda muito quem está morando sozinha, dá dicas de finanças, de decoração e tudo que envolve a vida de alguém que vai morar sozinha. Não importa o seu nicho, seja ele pessoal ou gamer, pense no benefício que ele trará para as pessoas.

Dica 04 - Conecte pessoas a você


Muito mais importante que números são pessoas. Os números não valem nada se você e as pessoas por trás desses números não estiverem conectadas. Você que possui blog ou até mesmo um canal no Youtube, deve ser consciente de que você deve conectar-se às pessoas. Quando postarmos algo precisamos ter em mente onde, como e em quem queremos chegar. Se alguém possui 50.000 seguidores mas não possui uma boa relação nem com 1.000, então os números tornam-se insignificantes. Se você possui 1.000 seguidores e tem uma boa relação com a maioria deles, eles confiam em você e estão ligados a você como verdadeiros amigos, então isso fará muita diferença. Lembre-se sempre: seus leitores são importantes, eles que ajudam o seu sonho a se realizar.

Dica 05 - Seja Criativo


Se tem uma coisa que eu sempre prego pra vida é: seja criativo. "Ah mas eu não sou criativo", pode parar. Criatividade é algo todos temos, apenas uns desenvolvem mais que os outros. Criatividade é algo que você vai desenvolvendo aos poucos. Quanto mais você produzir conteúdo com o melhor que você pode, mais a sua mente se adapta àquilo e não para mais. Força de vontade, foco e sem desânimo, tudo acontece.

 E essas são algumas das minhas dicas para ajudar a quem está começando com blog agora e se sente um pouco perdido. Espero que tenham gostado. Deixem nos comentários sugestões de posts que gostaria de ver por aqui. s2

Viajando pelo meu lugar


S
empre tive uma vontade louca de percorrer o mundo, sair viajando e conhecendo tudo que nos foi dado de graça pelo nosso bom e maravilhoso Deus. Londres, Paris, Buenos Aires, Espanha, Canadá... são tantos que nem sei qual escolher, sem falar que nem sei quanto teria que investir.

Destino Internacional faz isso com a gente, acabamos desacreditando, muitas vezes, que é tudo tão impossível, tão longe de nós... ficamos deprimidos e chateados em termos que ficar presos nesse país até juntarmos até o nosso último centavo para realizarmos a tão sonhada viagem internacional, conhecer outra língua, outro povo, comidas e lugares... mas aí eu pergunto: Você conhece pelo menos o seu lugar? A sua cidade, estado, região ou país? "Eu sempre quis conhecer outros países mas antes quero conhecer o meu país, minha região, meu estado", como sempre diz uma grande amiga minha.



Pensando nisso, há mais ou menos 1 ano atrás, eu e meu namorado decidimos dar o primeiro passo para que pudéssemos viajar mas de maneira viável. Estudamos gastos, buscamos alternativas mais em conta e fomos para as cidades próximas à nossa cidade, então começamos a conhecer lugares que nunca pensamos em conhecer.

Tudo ali.. tão próximo de mim e eu sonhando com algo tão "fora" da minha realidade (ainda). Do ano passado pra cá estivemos em uma das praias mais belas do mundo, um dos céus mais estrelados que já vimos e a rua com a melhor noite... E tudo isso e muito mais eu quero compartilhar com vocês, coisa que seria um egoísmo eu não compartilhar não é? Por isso decidi abrir espaço no blog para apresentar um pouco os lugares que fui, o que tem de legal, o que gostei e não gostei e que é bacana compartilhar.



E o que me deixou muito feliz é que o pessoal da Viaja + - Passeios Turísticos (uma empresa de passeios turísticos aqui da minha cidade) vai ajudar a gente a compartilhar as melhores experiências aqui com vocês. Assim poderemos mostrar o que a nossa cidade, estado e país têm de bom (porque de ruim a gente já sabe e vê todo dia né? ninguém merece coisa negativa). 

Quer viajar mas não sabe para onde? Quer uma dica? Comece de onde você está. A vida é curta e o Brasil e o mundo são grandes demais pra gente ficar perdendo tempo.

Espero poder contar com vocês nessa jornada e quem tiver sugestão de posts e lugares, deixa aqui nos comentários. 

Agora me contem: O que o seu estado/cidade tem de melhor? Já viajou para outro estado do Brasil? Compartilha comigo no Instagram a sua foto e dica, espero que tenham gostado da novidade e vamos que vamos! \õ

Poste uma foto sua, de alguma viagem ou ponto bacana da sua cidade/estado lá no Instagram e use a hastag #viajandopelomeulugar e apareça aqui no blog <3

Este não é um Publieditorial. O projeto "Viajando pelo meu lugar" é uma iniciativa da autora do blog Valeu a pena Esperar para incentivar a valorização do nosso país, da sua beleza natural e a sua cultura. A Empresa citada é apenas uma apoiadora do projeto.

Resenha: O futuro de nós dois - Jay Asher e Carolyn Mackler


C
omecei a ler esse livro sem grandes expectativas mas confesso que ele acabou me surpreendendo bastante. Nele estamos em 1996 e conhecemos Emma e Josh, dois vizinhos e amigos desde a infância, que estão no ensino médio e estão começando a se popularizarem algumas tecnologias como o Computador e a Internet.



Quando Emma ganha do pai um computador, Josh leva para ela um CD de instalação para que ela possa acessar a internet gratuitamente durante um tempo (se eu me senti nostálgica nessa hora? Com certeza). Emma aceita e logo que se conecta, ela dá de cara com o nosso queridinho atual: o Facebook. Em 1996 o Facebook não existia, o que deixou Emma muito intrigada, afinal de contas, o que era aquela página misteriosa?


Emma chamou Josh para que ambos resolvessem o tal mistério. Se deram conta que através daquela página eles estavam vendo os seus futuros dali a 15 anos! A cada atualização na página eles iam ficando cada vez mais envolvidos com os seus futuros.

Josh adorou saber que iria se casar com a garota mais linda da escola, que seria designer e passaria as férias em ilhas paradisíacas e teria filhos incríveis; já Emma não ficou muito feliz ao saber que teria um casamento conturbado e seria infeliz (de acordo é claro com as publicações que ela fizera no futuro). É aí então que ela decide mudar as coisas para que ela não tenha um futuro desastroso. O que ela não percebe é que quanto mais ela se esforça para mudar o futuro, mais ela se esquece do que realmente importa: o presente.



Esse livro é bem legal, li super rápido até. O livro é dividido entre os dois protagonistas, o que é bem legal porque a cada capítulo a gente vê o que acontece do lado de cada um. Confesso que achei a Emma muito difícil de engolir, muito "chatinha". Já o Josh é mais bacana. 

O livro nos deixa uma reflexão muito boa nas suas entrelinhas sobre presente e futuro.

O que estamos fazendo hoje, no presente, que irá influenciar no nosso futuro?

É um bom livro, recomendo.

"... Porque não dá para mudar uma coisa no futuro sem mudar todo o resto."

E aí, alguém já leu esse livro? O que acharam? Deixem dicas de bons livros pra eu procurar ler também. \õ